terça-feira, 10 de junho de 2014

A vida como ela está.

Não tenho dado noticias porque...são mais do mesmo!
Apetece-me escrever sobre outras coisas não relacionadas com o mundo dos bebés e das mães. A realidade é que neste momento na minha vida, pouco há mais do que isso. Os planos vão sendo feitos diariamente. Entre comidas, xixis, limitações financeiras...a vida do dia a dia não se tem alterado muito.

Os últimos dias até têm estado jeitosos (é melhor não gabar muito ou isto ainda vira!), mas durante 2 semanas tivemos tempo cinzento, chuvoso e ventoso. As saídas de casa não apeteceram e evitaram-se.
Os itinerários têm variado tão pouco que dei por mim em piloto automático, a fazer o caminho para o posto médico/aulas pós-parto (ficam na mesma rua) ...quando queria ir para o supermercado (nada a ver!).

Em relação ao Diego: já está com 54 dias (o preciosismo continua!) e felizmente que as cólicas assolapadas deram tréguas. Experimentei tudo o que sabia e o que recomendaram (coisas mais ou menos plausíveis!) e não sei se houve algum elemento decisor, ou se foi mesmo a combinação de tudo...mas o que é certo é que o rapaz está bem melhor e a qualidade de vida com/sem cólicas tem uma diferente considerável (tanto para ele como para mim).
Come bem, chora o normal, dorme o suficiente, observa, ri-se....eu derreto-me e só me apetece apertá-lo tanto, tanto...(ou seja, sou o cliché de mãe!)! É um fofinho de 5kg que já tem uma papada e preguinhas nas pernocas. 
Não dorme "uma noite seguida", mas o facto de só acordar 1/2 vezes de madrugada para comer e de ser  um processo muito tranquilo, torna as coisas mais fáceis: faz um choro de miar para me acordar, vou à cozinha fazer o biberão, volto ao quarto, meto babete, dou-lhe Infacol (contra as cólicas), dou-lhe o biberão, meto a arrotar (apesar de ser uma coisa que ele não faz de noite, mas que acho por bem tentar na mesma), deito-o no berço e está feito! Durante a maior parte destas tarefas, ele está a dormir (mesmo quando está a chorar)  e demoramos cerca de 20 minutos em toda a operação (not bad).
Se achar que a fralda tem muito xixi (cocós não são para a noite!), troco mesmo ali mesmo em cima da minha cama. Só acendo uma luz mínima para conseguir acertar "nos buracos" e isso ajuda a preservar o clima de noite e não o desperta.
Para ele adormecer no berço também é consideravelmente fácil: por volta das 21h/22 vamos para o quarto. Acendo a tal luz mínima ou o "fantasminha" do Ikea, deito-o no berço e ele fica sossegado até adormecer sozinho. Não ligo a televisão, não faço grandes barulhos e não acendo a luz do tecto. Sento-me ou deito-me na minha cama e fico a ouvi-lo. Só intervenciono quando é necessário. Obviamente que não é assim tão linear...mas mesmo nos dias menos bons, é só ficar atenta para lhe ir repondo a chupeta - que acaba por servir para o acalmar, já que na fase de adormecer ainda não tem "aquele sono" e fica mais agitado se ela cai. Assim que adormece, a chupeta cá novamente, mas aí retiro-a logo do berço e só volta a ser necessária na manhã seguinte. 
Neste processo de adormecer já parece um menino grande. Não quer isto dizer que a partir de amanhã não comece já com pior qualidade de sono, ou se lembre de trocar os dias com as noites! 
A única certeza neste mundo dos bebés e que...não há certeza! o que é agora, pode deixar de ser realidade  daqui a nada.

Comigo também está tudo bem: 
.Tenho dormido demais! (para o que estava habituada) - não é tudo seguido, mas sim acumulado durante as 24 horas.
.Tenho comido pior do que queria (muitos hidratos de carbono)...mas eu sei que é mesmo uma questão de organização. Uma pessoa acaba por facilitar e engole o que for mais rápido e menos trabalhoso...muito pão, massa e fruta...
.Tenho feito pouco exercício físico e há menos gasto de energia -apesar de estar sempre a andar de um lado para o outro, o exercício bom para o coração tem sido muito pouco;
.Banhinhos são diários, mas as indumentárias preferidas são os pijama ou roupas desportivas (largas e confortáveis)... e só quando se enfia as calças de ganga é que se repara que estão  apertadas.
.Consulta de "revisão do parto" feita. Tudo ok. 
.Tempos livres são poucos e aproveita-se o que se pode, porque se acorda de manhãzinha e quando se olha para o relógio já são 21h.
.Habituei-me com muita facilidade a esta vida sem emprego. Em Setembro vai custar a pegar!

A vida social tem sido a "normal": festas e convívios familiares ou com as amizades, passeios de fim-de- semana com o homem, passeios possíveis de mim com o Diego...

Tenho tirado poucas fotografias, mas tenho filmado mais (e quando o cachopo está a dormir passo o o tempo a ver fotos e os videos de há 2 dias... mas que me parecem ter acontecido há 2 anos!).


 01.06.2014
 Bolo do dia da criança e de aniversário do V.
Achei giro!
(...pelo menos não é de bonecos feios, mas que os putos gostam muito!)

Nazaré
  Pela foto ninguém diria, mas foi um dia de tempestade de areia!

04.06.2014
Caldas da Rainha.
Eu e o cachopo aproveitamos os raios de sol e fomos até ao Parque 





08.06.2014
Vista da Serra de Aire e Candeeiros


Eu até prometia que não ia ficar tanto tempo sem dar noticias...mas incorria no risco de estar a mentir. Meninas, mesmo que não comente, vou acompanhando a vossa vida nos blogs (you know who you are!).

9 comentários:

  1. A vida corre simples, mas é nessa simplicidade que reside o valor das coisas. Muitas vezes gostavamos que fosse um bocadinho diferente, mas o truque é dar valor a como estão as coisas, assim. Aproveita bem estas meses junto do baby Diego porque vão passar rápido. Beijicas

    ResponderEliminar
  2. Fico feliz que esteja tudo bem contigo e com o Diego!
    Mas tenho saudades dos teus posts :(
    Espero que tudo continue a correr bem e que "voltes" rápido :)
    Um grande beijinho,
    Daniela Dias

    ResponderEliminar
  3. E já passaram quase 2 meses... parece que ainda foi ontem que disseste que estavas grávida!! Passa rapidinho, eu sei. É uma rotina "rotineira", mas é tão boa, amarfanhar o cachopo o dia todo, sempre que te apetece... aproveita bem que não tarda estás de volta à "vida normal". Beijo

    ResponderEliminar
  4. Como passa a correr! Já vai fazer um ano que te conheci em Óbidos e ainda nem sabias estar grávida... E agora já com pequeno D. cá fora, no mundo, e quase 2 meses! :O
    Aproveita bem estes mesinhos e "aperta-o" bastante (aproveitar enquanto eles ainda não refilam e reviram os olhos..."Oh mãeeeee"). :)
    Beijinhos grandes!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho que ele, apesar de não falar, já me diz "oh mãeeee!!!".
      Quando ele está a dormir, só me apetece ir acordá-lo para lhe dar "apertinhos e beijinhos" e pensar : "estás um grandão!"
      No nosso próximo "Óbidos", ele já vai comigo :)
      Beijinhos

      Eliminar
  5. olá Luciana,
    fico muito feliz que o teu blog tenha retornado. eu era assidua no teu anterior blog, mas nunca tinha comentado. Fiquei muito triste quando deixei de poder acessar ao teu blog novamente, esbarrei aqui por acaso e fiquei muito feliz ( não penses que sou alguma "perseguidora" maluca). Decidi então que agora vou sempre comentar. Adoro as fotos da tua alimentação, saudável, diversificada e colorida..... gosto muito de ler o teu blog. Fiquei agora a saber claro que tiveste um menino... Felicidades para esta nova fase da tua vida.... :-)

    ResponderEliminar
  6. (já tinha escrito um comentário, mas parece que deu erro, mas se estiver em duplicado, sorry)

    Olá Luciana,
    era espectadora assidua do teu outro blog (mas nunca comentava), fiquei muito contente quando esbarrei aqui por acaso... gosto imenso de ler os teus textos e ver as fotos da tua alimentação (saudável e colorida)....
    Já vi que foste mãe do pequeno Diego... Felicidades :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Myself, os comentários chegaram cá todos :) Obrigada!

      Eliminar