sexta-feira, 27 de junho de 2014

Modernices que dão um jeitão...

Nota para a MK...e para outras grávidas/mães - espero que o post possa dar algumas ideias.
Nota geral - oh não! mais um post de bebés!!!!

A minha mãe diz que no tempo dela não havia nada...mas eu acho que se agora há, o melhor é aproveitar. 

Alguns produtos serão versões modernas de coisas já existentes, mas sou da opinião que só devemos comprar o que acharmos que vamos MESMO utilizar. Os bebés são todos diferentes (tal como nós) e o que resulta para uns, pode não funcionar para os outros. 
Se não houver ninguém que possa emprestar para utilizar continuamente (especialmente nas coisas mais duvidosas e caras) tentem arranjar emprestado apenas para experimentar. Comprar e não usar, faz mal ao bolso e à alma! 

Termómetro de banho e casa
Termómetro da "Avent". 

Uso nas duas vertentes: para ver a temperatura da casa e da água (flutua). No hospital, os enfermeiros diziam-me:  "vê a temperatura pelo pulso". Isso é muito bonito e torna-se realidade... depois de umas semanas! Agora, já acerto na temperatura sem precisar do termometro, mas mesmo assim, volta na volta confirmo. Para uma mãe (e então de primeira viagem!) escaldar o cachopo com dias, não é uma coisa que se queira fazer. Nunca fiando...
Comprei na "amazon.co.uk" - ficou em metade do preço de cá, que ronda os 22.00€ - mas nessa altura os portes para Portugal eram gratuitos e compensava mais.

Marsúpio

Esta opção é bastante válida, especialmente quando precisamos de ter as duas mãos livres ou se o quero mais aninhado ao je (apesar de me fazer um bocado de confusão ele enfiar a cara contra mim e a única coisa que vejo é cabelo).
O D. gosta e já usamos em passeio, nos centros comerciais, no supermercado. Para o proteger mais, cubro com uma manta e há pessoas que nem se apercebem que levo um bebé "pendurado" (devem só pensar que ainda estou grávida e ando com um cobertor a tapar a barriga!).
Até agora, usei sempre virado para mim, mas como ele já está "cusco" e o bom tempo parece estar para ficar, vou começar a virá-lo para a frente.
Só tive contacto com este marsúpio (porque foi emprestado) e acho que é excelente porque se "monta e desmonta" bastante bem. Aconselho a que, antes de adquirirem, experimentem diversos para verem o que melhor se adapta a vocês, se estão confortáveis e se sentem segurança no producto.
Não comprei. Foi emprestado. 
Baby Bjorn - a partir de 79.90€.

Aplicações de telemóvel 

Antigamente, era com um elástico que as mães sabiam se tinham dado mama da esquerda ou da direita. O elástico foi substituído pelo telemóvel. Uma coisa que acho super vantajosa é sabermos as horas, quantidades (no caso dos biberões). Com as jornadas de amamentações durante a madrugada, uma pessoas (eu) começa a confundir a que horas é que ele comeu ("...mas isso vou já hoje ou foi ontem?").
Há diversas aplicações, mas eu saquei este "Baby Feeding Log" que serve para os androids e é grátis. Só uso mesmo a parte da alimentação, mas também dá para registar os cocós, xixis e sonos. 

Caixote de lixo para fraldas
 Caixote do lixo para as fraldas da Tommee Tippee

Faz a contenção de cheiros. A amiga P. diz que nesta idade os "coconites" (ainda) não cheiram mal. Não sei se é por ser leite "da lata", ou se eu tenho o cheiro muito apurado, mas o odor já é assim para o desagradável. 
Também comprei na amazon.co.uk , mas já vi à venda na Pré-Natal. O kit que adquiri já trazia 6 recargas de sacos incluídas.

Esterilizador

 Esterilizador da Chicco.

Isto é daquelas coisas que dão bastante jeito quando se começa a usar biberões muito cedo. Não quer dizer que para um bebé maiorzinho não seja necessário esterilização, mas num recém nascido há um cuidado especial. Há sempre a possibilidade de recorrer à fervura na panela (eu fiz isso nas primeiras vezes, porque me esqueci que tinha o esterilizador arrumadinho. Daaahhhhh!!!)
Não comprei. Foi emprestado.

Bomba eléctrica de tirar leite
 Bomba de tirar leite. Swing da Medela.

Atendendo à minha história da amamentação - aqui - esta máquina foi a minha grande ajuda. Depois da minha experiência com a bomba, e de falar com algumas mães e profissionais de saúde especializados, acho que posso recomendar como sendo das melhores no mercado. Assim que fiquei grávida, a prima M. disponibilizou-me logo muito material de auxilio à amamentação.  Só posso agradecer! Se não me tivesse emprestado e se tivesse de comprar, uma vez que ainda não tinha feedback de ninguém e desconhecia este mundo, muito provavelmente teria optado por um modelo mais acessível, mas não tão eficaz. O preço do mercado ronda os 152.00€.

Carrinho trio
 Carrinho Trio Living da Chicco.

Agora que já lhe dou uso, apesar de não ter experimentado outros para fazer a comparação, já posso dizer que acho que fiz a escolha acertada em comprar um "3 em 1". 
Em primeiro lugar, cabe no meu porta bagagem (foi um factor eliminatório) e depois é  bastante prático de fechar, abrir, meter dentro da bagageira.
As formas de utilização são diversas: em cima, a ser usado com o "ovinho" na rua; em baixo, com a alcofa, onde ele dorme muito confortavelmente. A minha casa é comprida mas plana e por isso, a locomoção do carrinho é muito fácil. Até para a casa de banho o levo. Não posso deixar o menino em cima do muda fraldas enquanto vou buscar um bodie lavado ou um par de meias! Poderia sempre agarrar nele e ir comigo, no entanto a minha casa é muito fria, mas o wc está quente e se puder evitar que ele não faça tanto choques frio/calor, melhor! Assim, deito-o novamente no carrinho, vou fazer o que tiver a fazer descansada e volto a coloca-lo no muda fraldas. 
Quando estamos às refeições e ele está acordado, o carrinho fica ao nosso lado na mesa e a família fica completa.

A alcofa deu bastante jeito nas primeiras 6 semanas, mas como passou a dormir menos durante o dia e a querer outro tipo de actividades, começou a preferir estar no ovinho para observar tudo melhor! 

Para além do "ovinho" e alcofa, ainda tem uma terceira cadeira que servirá quando ele foi um bocadinho maior.

Os "carrinhos" são caros e por isso, é um investimento a ser bastante ponderado. Grande/pequeno, mais citadino/mais desportivo, com mais acessórios/com menos acessórios...a resposta está em casa família. Mesmo que se decidam comprar on-line (porque é possível apanhar boas promoções) é sempre bom ter um primeiro contacto real com o carrinho...
479.00€ na "A Túnica".

"Espelho" para o automóvel
Isto de andar de carro sozinha com o D, e o ovinho ter de andar virado ao contrário, é um bocado limitativo para "vigiar" o bebé. A prima AC ofereceu-me esta pequena maravilha que me permite, pelo retrovisor, ir espreitando o "estado da nação". Como ele gosta de andar de carro, é quase sempre em sleep mode.

Aspirador Nasal
Por conselho da minha madrinha - que utilizou muito no neto - comprei este aspirador nasal da "Narhinel" e 3 caixas de recargas (aproveitei a promoção na Well´s). No primeiro mês pensei mesmo que tivesse sido dinheiro deitado à rua - meti o soro fisiológico e aspirei poucas vezes porque não houve necessidade para mais. 
Com a instabilidade meteorológica, frio/calor, correntes de ar..., o canal respiratório ressentiu-se e a verdade é que foi uma grande ajuda e quase não tenho recargas. Se aquela "resmeira" não for retirada através do nariz, há uma grande probabilidade de se transformar em otite ou numa bronquiolite, para além do que, pode aumentar as cólicas (coisa que desconhecia), uma vez que os bebés não sabem respirar pela boca, e se o nariz está entupido, vão engolir mais ar desnecessariamente.
Não obstante, pelo que alguns pediatras dizem, o uso deve de ser muito reduzido, já que o alivio pode ser apenas momentâneo e ainda agravar a situação se o nariz ficar mais "inflamado".
Eu vou metendo soro frequentemente e ele tem andado bem.

Aspirador Narhinel - 8.49€
Recargas Narhinel - 8.80€

Almofada de amamentação/aleitamento
Dá um jeitão para o homem dormir a sesta - óbvio!
A sério...para quem amamenta, especialmente bebés que demoram muito tempo, é uma grande ajuda de protecção às costas, braços e mamilos!
Para quem dá leite de substituição também é optima. Tanto eu como o P. usamos para lhe dar os biberões durante o dia, já que à noite opto por lhe dar mesmo no colinho/colinho.

Para além de servir de apoio à alimentação, também é bom para os bebés se "ampararem" e se for comprada durante a gravidez, pode auxiliar para dormir (já que não é fácil encontrar posições confortáveis).   
Não comprei. Foi emprestada. Penso que se encontra com preços a partir de 40.00€.


Mantinhas da Primark
Na "Zara Home", vi mantinhas fofinhas e giras (para além de milhentas coisas que nem sei bem se têm utilidade mas não deixam de ser lindinhas), mas quando virei a etiqueta comecei a achar o tudo horroroso!

Plano B (ou plano P) - Primark -  Mantas fofas, menos giras...mas muito mais agradáveis à carteira = 5.00€ cada. Tenho 5, o que equivale a 25.00€ (o preço de uma na Zara Home). Dão um jeito enorme para o carrinho, ovinho, cama, para um colinho mais aconchegado...
É atar e pôr ao fumeiro = como quem diz, lavar e secar sem problemas.

...e depois as outras modernices que nem por isso.

Lá está! para uns resulta bem, para outros...nem por isso! O melhor mesmo é experimentar.

Sling
Nas primeiras 3 semanas, enquanto andava por casa e precisava/queria ter os braços e mãos livres, ainda consegui dar algum uso ao sling. Depois disso, o D. começou a ter muita força, vontade própria e como detesta estar apertado/confinado, era uma guerra para o manter no sling.
Mandei fazer por encomenda. 30.00€ 

Espreguiçadeira
Li muito sobre a espreguiçadeira ser um excelente meio para a criança ficar entretida, sossegada, maravilhada...enquanto os pais faziam outras coisas. Fiquei bastante entusiasmada com a ideia, mas connosco isso não se verificou!
Primeira tentativa - não correu bem. Muito choro, contestação e uma cara de infelicidade e de angústia tremenda. Posso mesmo dizer que ele ficou ofendido comigo e com o homem, por termos feito a experiência. 
Segunda tentativa - deixei passar quase 3 semanas. Prendi bonecadas que ele gosta. Esperei por uma hora em que ele estivesse calminho e sereno. Foi só sentá-lo que a sangria desatada começou. O mundo dele parecia prestes a desabar. Nem com música, nem sem música, nem com abanos, nem sem abanos.
Terceira tentativa...já não era para haver, mas por descargo de consciência, antes de embalar o aparelho, experimentei outra vez. Idem-idem, apas-apas. "Oh filho! isto é para tu gostares. Se não gostas, não comes!"
Não comprei. Foi emprestada (uuuufffaaaa). O valor deve de variar entre os 60.00€ e os 80.00€. 

Posso dizer que das coisas que adquiri, provavelmente o único que teve pior rentabilização foi o sling.
Tive a sorte de as primas fantásticas que tenho, me terem emprestado muita coisa.

Como já disse e repeti, todas as coisas têm uma utilização muito pessoal, adequada a realidades distintas, e a mães e bebés com comportamentos diferentes. Espero que o post auxilie a quem procura algum feedback mais "real" e não tão técnico.

8 comentários:

  1. Obrigada pelas dicas, a minha mãe ofereceu me um termómetro mas vou agora verificar se tem essa opção de temperatura exterior ou se é apenas para a água. Nós também acabamos por comprar um trio, a alcofa é muito melhor para dormirem enquanto se passeia do que o ovo, já que só podem estar 1h30. Na alemanha vê-se raramente ovos ao contrário de Portugal. Quanto ao sling/marsupio também me vão emprestar e vou ver qual o melhor para nós em termos de adaptação.
    A primeira coisa que pedi à minha mãe para fazer foi a almofada de amamentação, ficou muito bem. Ela é uma exímia costureira depois mando te foto, e a uma das minhas tias que também é costureira acabou por usar do mesmo tecido para fazer aquelas fofuras de bebé. a minha mãe até usou um padrão que tanto vai dar para o D. como para uma próxima menina ;) Também já tinha ouvido falar sobre apps para a amamentação, temos de usar tudo o que nos possa ajudar.
    Ficam registadas as tuas dicas e opiniões!! beijinhos grandes Luciana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois manda a foto :)
      "...próxima menina"? gostei!!!

      Eliminar
  2. Eu tenho também um termómetro xpto de ver a temperatura no ouvido que foi dinheiro bem gasto. Dá para a criança (a minha era um castigo para estar quieta o tempo suficiente para o termómetro normal dar), dá para a água, até dá para a temperatura ambiente.
    Quanto à espreguiçadeira, não desistas. A minha quando tinha mais de 6 meses passava lá algum tempo e gostava porque mexia as pernas e aquilo balançava, até chegava a adormecer lá!
    Eu tive a sorte de me emprestarem o carrinho e o ovo, mas o carrinho ela usou pouco tempo, depois de saber andar só servia para levar sacos e casacos onde quer que fossemos :)
    O Narhinel ou "chupa-ranho" como lhe chamávamos é uma das melhores invenções de sempre. Ela não gostava, mas depois de fazer uma nebulização, saía tudinho...
    Beijo

    ResponderEliminar
  3. Olá Lu :) gosto sempre de te ler e de saber novidades de ti e do baby D :) por aqui já se respira um bocadinho mais de alívio, obrigada por perguntares ;)
    Um grande beijinho ***

    ResponderEliminar
  4. O D. é uma fofura! O carrinho da minha pequena lapa é exactamente igual!
    xx

    ResponderEliminar
  5. Olá Luciana! Por falar no preço das havaianas, vi agora o preço do carrinho da Chicco. Como já disse, o meu é exactamente igual e, aqui, custou o dobro! Não estou a exagerar, foi mesmo o dobro! É um absurdo...

    ResponderEliminar
  6. Lu, a esperguiçadeira pode ser que o rapaz a queira mais tarde o meu texugo fez essas cenas também, mas depois quando o comecei a sentar para lhe dar a papa ele começou a gostar de brincar depois uns bocadinhos com a bonecada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes que eu também já comprei a cadeira da papa e ele dessa gosta! É alta, confortável e como o arco do "ginásio" é móvel, eu até consigo meter lá a bonecada.
      Ele devia achar que a outra espreguiçadeira era muito "abebezada" :)

      Eliminar