quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Em que medida a alimentação está (sempre) no meu pensamento?

Para ser sincera, estou quase sempre a pensar em comida, mesmo que não seja deliberadamente.
Acordo, vou fazer a minha caminhada e durante o percurso penso no pequeno-almoço, nos lanches que vou preparar, no que vou fazer para os almoços, para os jantares… Chego a casa, e entre as 6h e 7h da manhã, o meu "place to be" é na cozinha a concretizar o que pensei durante o exercício.
À hora de almoço, saio a correr do trabalho para vir comer a casa. Tenho os meus lanches às 16h e 18h. Às 19h saio e penso em ir acabar o jantar, que costumo deixar alinhavado de manhã. Há noites em que sonho com comer.
Conclusão: em 24 horas, há poucos períodos em que não pense na alimentação, independentemente de estar numa fase boa ou menos boa.
Mas só eu é que serei assim?
Exercício Físico- 30 minutos de caminhada matinal 

Alimentação - Ok

15 comentários:

  1. Definitivamente a Nina é tua filha. Quantas crianças de 4 anos é que obrigam a mãe a levar sempre lanchinho quando saem de casa.

    ResponderEliminar
  2. Há pois! Lanche é essencial para se evitarem os maus hábitos. Se vai de casa, podes escolher o que mais gostas, o mais saudável e o mais em conta. Evitas "cair em tentação" desnecessariamente.

    ResponderEliminar
  3. ola querida Luciana =)

    sou tal e qual como tu...nem pensamos por gulodice,pensamos mesmo para inventar um prato diferente e isso..

    continuas sempre bem =)

    tens que me dar umas dicas sobre iogurtes,vejo que comes variados...eu não costumo comprar de marca,por isso compro sempre ou do continente ou do pingo doce...tens que me dar umas ideias..nunca sei qual o melhor..se o que tem mais fibra ou o que tem menos calorias =/

    tem um resto de bom dia!

    beijoo

    ResponderEliminar
  4. Não, não és a única. Compreendo-te plenamente, comigo acontece exactamente a mesma coisa. Antes ouvia dizer que quem tinha esse pensar constante seria alguém de mente "gorda" porque só pensava em comida, mas acho que não, levamos a maior parte do tempo a pensar nela, para podermos fazer as melhores opções alimentares.
    Mas por vezes enerva, a mim acontece-me muito, porque por vezes sinto-me meio aprisionada á comida...penso que nao sou normal. A maior parte das pessoas pensa em comida só quando tem fome e nesse momento decide o que escolher... é um assunto meio complexo..
    Qual é a tua opinião acerca do assunto?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Acontece-me a mesma coisa, estou sempre a pensar na refeição seguinte e no que me apetecia comer em vez das coisas pré-estabelecidas pela nutricionista. Acho que quem está neste processo de emagrecimento passa por isto, por isso é que é importante estarmos ocupados.
    Beijos

    ResponderEliminar
  6. Não. Não és a única. Acordo ás 6.30 da matina. Vou fazer a caminhada. Tal como tu, vou logo a pensar no que vou comer ao pequeno almoço, no que levo para os lanches...no que vou almoçar (se levo de casa ou não), e durante a tarde ainda não chegou a hora do lanche e já estou a pensar no que vou jantar ;-( dou por mim também a pensar que estou obcecada, que não estou com a cabeça sana. É um absurdo que faz parte de mim.

    ResponderEliminar
  7. Luciana querida,qto tempo heim?ando meio sumida, to dando um tempinho do blog e privatizei mais é temporario qdo as coisas melhorarem e o meu animo por blogar voltar eu volto ao blog.mais sempre estarei visitando as amigas.enfim! sabe eu tbm penso em comida o tempo todo kkkkk,o q vou fazer p lanche p almoçar jantar o q vou fazer p o filhote,tbm sonho com comida principalmente qdo to com vontade de comer coisas caloricas kkk.linda beijao e otimo fim de semana.

    ResponderEliminar
  8. Também sou um pouco assim (já fui mais) e apesar de nos ajudar a evitar cair em tentação muitas vezes, também nos corrói um pouco. Acho que me tornava um bocadinho neurótica e tive algumas discussões com o Nuno por causa disso.
    Não devemos ser nem 8 nem 80. O meio termo é sempre o melhor!
    Bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  9. Eu sou mais de esquecer de comer! Para mim, se podesse comer pós e comprimidos comia! :)

    ResponderEliminar
  10. Acho que é normal, digno de alguém organizado como pareces ser. Eu sou assim também. Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Eu também sou um bocado assim. O pior é quando me lembro "ai apetecia-me isto" e enquanto não comer não consigo deixar de pensar naquilo.´Chega a ser enervante. Beijo

    ResponderEliminar
  12. Paulo Nunes, estou chocada com o que disseste...LOOOOL não acredito nisto, que inveja!! Autchhh

    ResponderEliminar
  13. Lucii, papinhas de aveia é o teu auge :D.. como as fazes? Eu não gosto desse tipo de papas, eu como weetabix com iogurte porque com leite fica aquela mistela que eu não consigo engolir, mas com iogurte é bom... À tarde lanchas pão, conforta mais né? Adoro pãozinho, qualquer um..

    ResponderEliminar
  14. Meninas e menino - obrigado pelos vossos comentários! sinto-me menos "diferente" e mais normal (seja lá isso o que for!)
    O post de hoje é em jeito de resposta às vossas questões :)

    ResponderEliminar
  15. É verdade vânia! sinto fome.. mas se tiver a fazer qualquer coisa.. a fome passa.
    Gosto de comer... mas não engordo. Se a comida viesse toda num comprimido...era bem melhor! era mais rápido :)

    ResponderEliminar